Cachoeira vai ganhar um pórtico de entrada próximo ao Horbach

Em breve, Cachoeira do Sul ganhará mais um pórtico. A iniciativa agora vem de duas empresas genuinamente cachoeirenses: o Grupo Horbach e a Walin Incorporadora. O prefeito José Otávio Germano recebeu os empresários Diego Horbach e Cristiano Vianna, que apresentaram ao chefe do Executivo a sua proposta de investirem na construção da estrutura na BR 153 (próximo a Caumac), marcando a entrada do município assim como acontece agora com a entrada da cidade junto ao Bairro Fátima, que teve seu pórtico inaugurado no dia 12 de outubro.

A ideia da construção do pórtico é de deixar a entrada da cidade mais atrativa, elevando cada vez mais as potencialidades do município. E os empresários não estão medindo esforços para que a ideia saia logo do papel. Em parceria com a Secretaria de Planejamento, a iniciativa já começa a ganhar corpo. A consulta formal ao Dnit para saber se é possível a obra no local já foi feita e o parecer foi favorável. A topografia do local já está sendo feita nesta semana, contratada pelos empresários, pois ela é fundamental para nortear os técnicos com relação ao que pode ser feito no local. A responsável pelo orçamento e execução da obra será a engenheira da Secretaria de Planejamento, Jéssica Oliveira. A obra arquitetônica será de responsabilidade da arquiteta Andressa Pereira, contratada pelas empresas.

O prefeito José Otávio Germano conversou com os idealizadores da proposta e enfatizou o quanto a iniciativa deles é positiva para Cachoeira e que pode ser fonte de motivação para que outras empresas tenham as mesmas iniciativas. “Eles querem embelezar e tornar o local mais seguro. Isso é uma visão inédita e merece todo nosso reconhecimento, respeito e incentivo. A cidade merece mais um pórtico”, justificou o Prefeito.

ROTATÓRIA

Além da construção do pórtico, a proposta é criar também uma rotatória onde hoje fica o local conhecido como Trevo do Horbach. Os empresários enfatizam que a movimentação de caminhão acessando a cidade por este ponto é muito grande e a rotatória garantiria mais segurança a todos.

Importante

José Otávio tratou ainda com os empresários sobre uma forma de oferecer incentivo às empresas responsáveis pela obra no sentido de conceder algum tipo de isenção fiscal, como abatimento em IPTU. No entanto, para isso é necessário aguardar o projeto orçamentário da obra para que a proposta seja enviada para a Câmara de Vereadores. Mais parceiros estão sendo convidados para aderirem a ideia e custear as duas obras.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: