AUSÊNCIA

No sábado passado, dia 11.06.22 Cachoeira do Sul sediou o Campeonato Estadual de Karatê, tendo recebido representação de diversos municípios gaúchos e a participação de mais de trezentos atletas. Realizado no ginásio Barãozinho, onde estive pessoalmente, constatei a presença de um grande público prestigiando o evento, bem como o alto nível de organização, dentre outros pontos positivos.
Aproveito o espaço para parabenizar todos os participantes, em especial ao Paulo Machado da AKPM, que não mediu esforços para que nossa cidade fosse escolhida como sede do campeonato.
Mas, e o poder público, prestigiou o evento, auxiliou de alguma forma?
Infelizmente, a resposta é não, e sendo negativa cabe-nos o direito de ir além e perguntar, o que faz a secretaria municipal de desporto, para que serve se em evento esportivo dessa envergadura não colaborou com absolutamente nada ?
Lamentável e vergonhosa a ausência do poder público.
EM QUEDA
O resultado das eleições municipais de 2020 apontou José Otávio Germano (PP) como o vencedor do pleito, foi eleito com pouco mais de 13.500 votos, o que representa um percentual em torno de 20 por cento do colégio eleitoral local, que conta com aproximadamente 67.000 eleitores.
Confesso que o resultado me surpreendeu, pois durante a campanha, haviam previsões de que o Zé faria mais de 20.000 votos, coisa que não se confirmou, muito pelo contrário, a votação ficou muito abaixo do previsto.
A partir da divulgação do resultado, adotei a linha de raciocínio de que a baixa votação do prefeito eleito seria bom para Cachoeira do Sul, pois obrigatoriamente teria que fazer um grande esforço na busca de uma gestão eficiente e comprometida com o povo da terra para quem sabe, na tentativa da reeleição, melhorar sua votação.
Infelizmente, não é o que vem acontecendo, a insatisfação da população em relação a atual administraçã cresce dia a dia. Constatar isso é muito fácil, é só conversar com as pessoas que circulam pelas ruas da cidade, as reclamações são em grande quantidade, além da indignação de alguns muitos que acreditaram em promessas de campanha que não foram e não serão cumpridas.
Por isso, quando alguém menciona que José Otávio Germano poderá tentar a reeleição, tenho minhas dúvidas, mas se tiver precisa melhorar e muito, sua credibilidade segue em queda livre.
MINISTRO DA ECONOMIA
Mesmo com currículo invejável e com índices apontando para a retomada do crescimento da economia Brasileira pós pandemia e em plena guerra entre a Rússia e Ucrânia, o Ministro Paulo Guedes corre grande risco de ser demitido. Segundo informações o Presidente Jair Bolsonaro vem ouvindo economistas cachoeirenses pós-graduados, altamente qualificados, doutores na matéria e que sistematicamente tecem críticas ao Ministro, isso estaria fazendo com que o Presidente estivesse pensando na demissão de Paulo Guedes, a não ser que aceite vir até Cachoeira do Sul, passar uma temporada por aqui a fim de assistir aulas com os especialistas locais.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: