A nostálgica festa do arroz.

Toda vez que a Ana passa por um Arrozito ela grita: olha um batata! E não importa quantas vezes que eu fale que é o Arrozito ela me ignora e diz que é um saco de batata. T-O-D-A vez.
Eu não sei quantos Arrozitos espalharam pela cidade, eu já passei por uns 5/6. Nessa última conversa que tivemos expliquei que o Arrozito era um convite para a Fenarroz, a festa do Arroz que toda a cidade ia participar ( explicação simplória para uma criança de 4 anos), e essa menina brilhou, quando eu falei a palavra FESTA.
Falou 300 palavras por minuto. Contava a roupa que iria ir, quem ela ia encontrar, tudo que ela sonhava que ia acontecer. Achei graça, afinal, qual cachoeirense não ficou ansioso pela chegada da Fenarroz.
Lembro-me do tempo de escola onde as profs nos faziam pintar os Arrozitos. E quem nunca colocou arroz seco na imagem mimeografada do personagem histórico? Não é Cachoeirense raiz.
Festa boa. Todo mundo gostava. Tudo bem, já não somos a capital nacional do arroz há muito tempo.
Mas a Fenarroz era o cartão postal de Cachoeira. Tínhamos atrações nacionais maravilhosas e a votação da corte da Fenarroz foi um evento por si só, movimentou a cidade inteira para saber quem iria ganhar!
O que aconteceu? Onde foi parar a alegria da festa?
Última semana eu vi que colaram uma folha de ofício avisando a data da feira nos totens dos Arrozitos. É isso? Essa é a divulgação da nossa principal festa? Não sei se a situação é consequência do vergonhoso desmonte do grupo de pessoas que cuidavam da cultura do nosso município, mas convenhamos, você está animado para essa Fenarroz?
Eu tenho orgulho de ser Cachoeirense, gosto mesmo de morar aqui, mas já faz alguns anos que me envergonho de falar para alguém de fora sobre as atrações turísticas da cidade. Agora até a Fenarroz? A festa do povo virou unicamente a festa para os empresários do agronegócio?
Sábado o Jornal do Almoço foi TODO dedicado a Fenadoce de Pelotas, uma feira que historicamente sempre foi muito maior que a Fenarroz, mas não deixei de pensar o que estamos fazendo com a tradição da nossa cidade.
Eu tenho ótimas lembranças da Fenarroz. Quando criança e de jovem. E tenho certeza que todo Cachoeirense que se preze também tem lembranças saudosas da feira do povo Cachoeirense.
A impressão que passa é que a diversão que era para o Cachoeirense está voltada para um grupo seleto de pessoas. Para o povo fica o que?
Cachoeira é a cidade que já foi. Viramos um povo saudoso. Com pouca motivação para o futuro. Acredito que Ana não terá as mesmas lembranças queridas da Fenarroz… Por enquanto deixo ela pensar que será a festa da batata, opa, arroz.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: